A Polícia Civil deu cumprimento nessa sexta-feira (25) a um mandado de prisão contra um homem pela prática do crime de estupro de vulnerável na cidade de Pedreiras. Ele havia sido condenado à pena de 15 anos e 06 meses em regime fechado.

De acordo com o delegado Diego Maciel, o crime aconteceu em 2010, quando o suspeito teria estuprado a neta da sua companheira, que na época tinha 9 anos de idade, perto de um açude, na cidade de Pedreiras. As investigações da época confirmaram o abuso sexual.

Ainda de acordo com a polícia, foi constatado que o homem também estava foragido do estado de Goiás pelo crime de homicídio, onde estava com a prisão decretada. O suspeito foi encaminhado ao Presídio de Pedreiras, onde ficará à disposição da Justiça.